Turismo: muito além das pontes


Nos últimos anos para facilitar a acessibilidade aos nossos atrativos turísticos foram construídas pontes para substituir o sistema de balsas até então utilizadas para cruzar os rios Sergipe, Vaza-Barris e Real. Estas obras não só possibilitam melhorar o fluxo interno de turistas, mas também ampliam as possibilidades de acesso desde o vizinho estado da Bahia, especialmente a partir dos complexos hoteleiros do litoral norte baiano.

Cada ponte anunciada e construída gerou uma expectativa de aumento no fluxo turístico, o que de fato ocorreu e ocorrerá ainda mais. Entretanto os benefícios do turismo ainda não foram sentidos nos municípios diretamente impactados por estas infraestruturas.

Antes de tudo cabe colocar que tecnicamente somente é considerado turista se há um pernoite no destino, caso contrário é visitante. Faz-se necessário diferenciar para mostrar que o impacto das obras no turismo poderia ser maior se os municípios tivessem feito a parte deles.

Por ser a primeira das ponte iniciemos por aquela que cruza o Rio Sergipe unido Aracaju à Barra dos Coqueiros. Compreendendo o período de construção e funcionamento desta ponte duas administrações completas já passaram pela Barra dos Coqueiros, e qual o legado destas administrações para o turismo aproveitando-se da ponte? Não fora as intervenções do governo estadual tanto na promoção, quanto em obras infra-estruturantes nada haveria passado, e a cidade da Ilha de Santa Luzia seguiria cumprindo seu destino de ser uma cidade dormitório de Aracaju.

Mudando o olhar para o Litoral Sul, com as pontes sobre o Vaza-Barris e Real, a situação não muda, as administrações municipais nada fizeram para preparar os seus municípios para receber mais turistas, não há em nenhum município sergipano, o menor resquício de uma política municipal de turismo. Nos município muitas vezes confunde-se a atividade turística com promover eventos e a promoção do destino, quando há, deixando-se de lado as atividades que são inerentes ao governo municipal, tais como atração de investimentos, infraestruturas complementares, serviços urbanos (sinalização, limpeza, etc.); vigilância sanitária para garantir a qualidade dos meios de hospedagens e alimentação; transporte e trânsito para facilitar a acessibilidade aos atrativos, etc.

Dentre todos os municípios sergipanos nenhum tem um Conselho Municipal de Turismo instalado, poucos, mesmo dentre aqueles chamados municípios turísticos, têm um órgão municipal de turismo estruturado, não necessariamente um órgão especifico para o turismo, mas uma estrutura que conte muito mais que um secretário, ou diretor de departamento, que se desdobre para atender às suas inúmeras funções. Dadas as peculiaridades quem trabalha no turismo municipal não basta ser um técnico, um conhecedor da área, tem que conhecer minimamente o município e seu entorno, pois por certo não vai contar com o apoio de uma grande equipe que lhe dê suporte e, complemente com as informações que ele não possui.

Que venham mais pontes e estradas, mas que a estas acompanhem facilidades para a implantação de meios de hospedagem, bares e restaurantes, casas de show, locadoras de veículos, etc. Pois de nada adianta os turistas chegarem e não terem onde comer, hospedar-se e se divertir, e por certo eles não farão isto nos condomínios fechados que brotam em nosso litoral, a menos que também sejam pensados como turismo imobiliário, o que vai beneficiar somente uns poucos.

Os novos prefeitos têm um desafio colossal dotar seus municípios de tudo aquilo que estão carentes para fazê-lo realmente um município turístico e já se beneficiar imediatamente, não só do aumento do fluxo turístico que trará a infraestrutura rodoviária que vem sendo implantada, mas também do fluxo extra que acessará os nossos atrativos durante os grandes eventos que acontecerão no Brasil, tais como Jornada Mundial da Juventude e Copa das Confederações, em 2013; Copa do Mundo, em 2014; e os Jogos Olímpicos, em 2016 (Salvador será subsede para futebol).

Imagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s